Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Acabei de receber este email:

por Marina Ricardo, em 12.01.13

Olá querido,
Querido, meu nome é Ellina XXXX. Eu sou uma garota procurando por uma pessoa de confiança para compartilhar a minha vida, por favor eu não quero incomodá-lo com os meus sentimentos, mas pense comigo, eu gostaria que sejamos amigos e se conhecem muito bem, por favor, se você quiser gostaria de saber mais sobre mim me responda agora, com este meu endereço de e-mail (...........@...... .com) para que eu vou lhe dizer mais sobre mim e também enviar-lhe a minha foto eu vou ser feliz de ver sua resposta,
Senhorita Ellina XXXX.

 

É só a mim que acontecem coisas destas, ou há mais afetados por aí? Digam-me que não sou só eu que atraio estas coisas!!

E eu a pensar que o mais estranho era o feitiço de amarração....! Só gostava de que forma esta pessoa (?) arranjou o meu email dos outros e o que a leva a pensar que sou um rapaz.... querido...


(isto deve ser do cabelo novo, ou da falta do "velho")

publicado às 22:27

A primeira loucura do ano

por Marina Ricardo, em 12.01.13

Há umas semanas que a minha irmã queria ia ao cabeleireiro. Repetia porque repetia que precisava de cortar o cabelo. E eu, suspirava porque suspirava para que o cabelo dela aparecesse subitamente com as pontas cortadas para ela acabar com ladainha.

Odeio cabeleireiros. Odeio o espelho dos cabeleireiros, aqueles lavatórios onde lavamos a cabeça com o pescoço preso numa abertura estranha. Odeio cortar o cabelo e odeio seca-lo, estila-lo e todas essas coisas que se fazem naqueles lugares. Ou seja, só lá vou quando preciso mesmo de cortar o cabelo – casos de emergência.

Depois de uns dias a ouvir a oração da minha irmã, anunciei que se ela continuasse com aquilo, quando fosse com ela ao cabeleireiro, saia de lá com metade do cabelo.

Todos pensaram que eu estava a gozar - só tinha cortado o cabelo assim  uma vez, quando era bem, bem pequena, mas eu não estava a brincar.

Sou de ideias fixas, e quando se me entra uma coisa na cabeça, não a tiro. Podia ser um erro, mas tinha de o fazer (este é um principio idiota que uso para grande parte das decisões da minha vida). 

Ontem, fiz uma micro pesquisa no google à procura do cabelo ideal - e foi fácil encontrar, uma vez que sabia perfeitamente o que queria.

Sabia que não ia uma Charlize Theron, uma Dianna Agron nem uma Anne Hathaway, mas não custava tentar ser uma versão diferente e mais depenada de mim mesma.

E hoje, bem cedinho lá cortei o cabelo acima dos ombros. É uma sensação estranha - ainda me sinto despida, mas gosto, é leve e sabe bem mexer a cabeça. E soube melhor ainda a reinvenção de mim mesma, o sair da minha zona de conforto, no que em termos capilares diz respeito.

Portanto, a primeira loucura do ano correu bem melhor do que eu imaginava, que venham outras.


(Está assim. (só não estou tão gira como a Dianna, mas não se pode ter tudo!). Quando tiver fotos, posto)

publicado às 19:17

Missão de hoje

por Marina Ricardo, em 12.01.13

publicado às 13:47

"Lembranças" #12

por Marina Ricardo, em 12.01.13

Folheei as páginas e parei na última.

Em letra cuidada, escrito a caneta preta, ao contrário das outras páginas que eram escritas em diferentes tonalidades de azul, pude ler:

 

Esta não é uma história de amor. Nem uma história de fantasia.

Talvez todo este aglomerado de palavras nem seja uma história, nem estória, nem nada.

Aqui não há aura de romance, nem neura de misticismo.

Este é apenas um relato de dores de dois seres que se amaram. Que se amaram como podiam, como sabiam e como a sua condição o permitia – não duvidem disso.

Porém a vida não lhes facilitou a existência – mas, a quem facilita?

Estas são apenas as memórias que consegui recolher depois de o meu passado ter sido roubado e mentido, depois do amor me pilhar as verdades, me comprometer o futuro.

 



publicado às 00:17


Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Janeiro 2013

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Fotografias que vou instagramando




Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.