vago

Suave. Queria sentir-te assim: ao de leve. Toque fino, boca selada.

Queria sentir-te a mão. O peito. E o coração.

Sinto o frio. O vazio que deixas no espaço que deixas por ocupar. Este teu lugar vago.

publicado por Marina Ricardo às 23:50 | link do post | comentar | Adicionar aos Favoritos (1)