Não são

Lês-me tantas vezes os meus sonhos em voz alta, que às tantas, comecei a acreditar que eram mesmo meus.

publicado por Marina Ricardo às 18:12 | link do post | comentar | Adicionar aos Favoritos (1)