Tênue

É como linha que de parte, estrada que se interrompe por abismo sem ponte, essa paz que te deixa a alma vazia pelo medo.

publicado por Marina Ricardo às 23:19 | link do post | comentar | Adicionar aos Favoritos (1)