Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Jornalista de Supermercado #20

por Marina Ricardo, em 27.05.13

Uma colega minha - um AMOR de pessoa, foi posta de castigo no trabalho. Assim, como as crianças -  castigada.

Esteve mais de uma semana sempre ao fecho (o que implica sair sempre tardíssimo do supermercado e trabalhar mais). Tudo porque, uma vez, fechou a caixa, na sua hora de saída, sem pedir autorização à chefia (coisas que temos sempre de fazer – e não, não percebo porquê).

Mesmo sabendo as regras - e mesmo sem concordar com elas, esforço-me sempre por cumpri-las. Não por medo (não tenho medo de ninguém), mas, porque respeito o trabalho dos outros.

Sou muito crítica em relação a este tipo de situações - não compreendo as atitudes dissimuladas e os castigos, quando todos temos idade suficiente para assimilarmos informação. Somos crescidos, capazes de conversar e argumentar uns com os outros…

Suponho que, a minha cabeça, nunca tenha percebido a autoridade. Ou, por outras palavras, a minha cabeça sempre percebeu, mas nunca compreendeu o porquê de termos uns de mandar nos outros.

Claro que é melhor mandar do que ser mandado - é mais vantajoso, compreendemos com a idade.

Mas, grande parte das vezes, não compreendo os comportamentos soberanos. Aquela ideia de que devemos ter medo de quem manda e temer as suas atitudes sempre me fez espécie – sou uma esquisita.

Sou pela sinceridade, pela frontalidade e, acima de tudo, pelo respeito. E há falta dos três, aqui e ali. 



publicado às 01:00


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor



Fotografias que vou instagramando




Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.