A minha paz termina hoje.

Estive uma semana de férias e já tive as duas folgas semanais.

Amanhã regresso ao trabalho.

Volto a vestir a faceta forte e a cara cansada. Volto a só falar de trabalho, a sonhar só com o trabalho.

Voltam também as discussões barulhentas e sem sentido. Os problemas estúpidos. Voltam os telefonemas de trabalho a todas as horas do dia. Volta o MRP, as rupturas, as alocações, os clientes, o absentismos, os inventários...

Amanhão volto para o trabalho que me consome.

Acaba hoje a minha paz. 

publicado por Marina Ricardo às 19:57 | link do post | comentar | Adicionar aos Favoritos